APORTE DE PALHA E NITROGÊNIO NO SISTEMA DE PRODUÇÃO VISANDO A PRODUÇÃO DE SOJA NO OESTE PAULISTA

  • Luciana Boulhosa Fabris Unoeste
  • Juliano Carlos Calonego Unesp - Botucatu
  • Carlos Henrique dos Santos Unoeste
  • Ana Carolina Monico Moreira Unoeste
Palavras-chave: plantio direto, relação C/N, pastagem

Resumo

O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito de sistemas de produção em semeadura direta com aporte diferenciado de palha e nitrogênio antecedendo ao cultivo da soja, visando aumento na produtividade desta leguminosa. O experimento foi instalado e conduzido em área experimental da Faculdade de Ciências Agrárias da Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE, em Presidente Prudente/SP, em um solo classificado como Argissolo Vermelho distroférrico entre janeiro de 2014 e abril de 2016. O delineamento experimental adotado foi em blocos casualizados, com quatro repetições, em esquema de parcelas subdivididas, com quatro repetições, sendo as parcelas constituídas por três rotações de culturas, I) Milho/Tremoço/Soja, II) Milho+Urochloa brizantha/Soja, III) Urochloa brizantha/Soja, e as subparcelas por quatro doses de N (50, 100, 150 e 200 kg ha-1), aplicadas anualmente. Foram analisadas a quantidade de palha e sua persistência sobre o solo antes e após a semeadura da soja e a produtividade de soja nos dois anos do experimento. Os resultados foram submetidos à análise de variância e os efeitos das variáveis foram comparados pelo teste t ao nível de 5% de probabilidade. Os sistemas de produção influenciaram na quantidade de MS acumulada antes e após à semeadura da soja, nos dois anos avaliados. A relação C/N foi influenciada pela interação M+U na dose de 200 kg ha-1 de N antes da semeadura da soja. A quantidade de matéria seca produzida pela interação entre a Urochloa com 200 kg ha-1 de N, no momento da colheita da soja, evidenciaram que as rotações que utilizaram forrageiras produziram mais palha, e que a maior dose de N favoreceu positivamente a produtividade da forrageira e o maior aporte de C ao sistema. A adubação nitrogenada distribuída ao longo do ano agrícola tem potencial para aumentar a produtividade da soja, em anos sem restrição severa de água.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciana Boulhosa Fabris, Unoeste
Professora da ETEC Prof. Dr. Antonio Eufrásio de Toledo em Presidente Prudente - SP, desde 2009. Possui graduação em Zootecnia pela Universidade do Oeste Paulista (2007) e graduação em Direito - Faculdades Integradas Antonio Eufrásio de Toledo (1998). Mestre em Produção Vegetal pela Universidade do Oeste Paulista (2009). Especialista em Integração Lavoura Pecuária Florestas (iLPF) pela Universidade do Oeste Paulista (2017). Doutoranda em Agronomia pela Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE.
Publicado
2018-07-11
Como Citar
Fabris, L., Calonego, J. C., dos Santos, C. H., & Moreira, A. C. (2018). APORTE DE PALHA E NITROGÊNIO NO SISTEMA DE PRODUÇÃO VISANDO A PRODUÇÃO DE SOJA NO OESTE PAULISTA. Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215, 14(2), 24-34. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ca/article/view/2224