FORMAÇÃO DOCENTE NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS ESPECIFICIDADES, IDENTIDADES E POLÍTICAS PÚBLICAS

Autores

  • Márcio Fernando Silva Universidade do Estado de Minas Gerais - UEMG
  • Santuza Amorim Silva Universidade do Estado de Minas Gerais - UEMG

Palavras-chave:

Formação Docente. Educação de Jovens e Adultos. Educadores de Jovens e Adultos.

Resumo

Este trabalho apresenta uma reflexão analítica do campo da formação docente na Educação de Jovens e Adultos. Objetivou-se por meio da análise e da contextualização de produções bibliográficas do campo em questão delinear as especificidades, as identidades e as políticas públicas da formação docente na Educação de Jovens e Adultos, de acordo com as necessidades históricas e específicas da formação de professores/as na EJA. Nesse contexto, observou-se a necessidade de refletir criticamente sobre o processo de formação docente na EJA e de re (avaliar) as possibilidades e/ou intencionalidades desse processo. Dessa forma, é preciso reforçar os debates em torno da emergência de resoluções que ampliem a potencialidade docente na Educação de Jovens e Adultos, incentivando, assim, o aperfeiçoamento dos processos formativos na EJA, mediante políticas públicas efetivas de formação profissional docente nessa modalidade de ensino.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Márcio Fernando Silva, Universidade do Estado de Minas Gerais - UEMG
    Mestre em Educação pela UEMG; Pós-Graduado em Implementação e Gestão da EAD pela UFF; Pós-Graduado em Orientação Educacional pela UFMG; Pós-Graduado em Educação de Jovens e Adultos pela UFMG; Licenciado em Bacharel em História pela UFMG. Experiências nas áreas de formação e trabalho docente, administração e gestão escolar, especialmente nas campos da educação de adultos e educação a distância.
  • Santuza Amorim Silva, Universidade do Estado de Minas Gerais - UEMG
    Licenciatura em História (PUC/MG). Possui mestrado em Educação (1997), doutorado em Educação (2007) pela Universidade Federal de Minas Gerais, doutorado sanduíche pelo INRP (Institut Nacional de Recherche Pédagogigue). Realizou estágio de pós-doutorado na Université Paris 8 (2011/12). Atua como professora no Curso de Pedagogia e no Mestrado em Educação da Universidade do Estado de Minas Gerais. Atualmente integra os seguintes grupos de pesquisas: Nepel (UEMG), Prodoc (UFMG) e Nera/Programa Ações Afirmativas (UFMG). As pesquisas focalizam os seguintes temas: saberes e práticas docentes, práticas culturais e sociais de leitura e desigualdades raciais/ desigualdades escolares.

Downloads

Publicado

2018-12-19

Edição

Seção

DOSSIÊ: FORMAÇÃO DOCENTE: POLÍTICAS E PRÁTICAS

Como Citar

FORMAÇÃO DOCENTE NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS ESPECIFICIDADES, IDENTIDADES E POLÍTICAS PÚBLICAS. (2018). Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 15(3), 04-16. https://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/2491

Artigos Semelhantes

1-10 de 543

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 > >>