PROFESSOR NA PEDAGOGIA HOSPITALAR: ATUAÇÃO E DESAFIOS

Autores

  • Damaris Caroline Quevedo de Melo Faculdade de Ciências e Tecnologia “Júlio de Mesquita Filho” –FCT/UNESP
  • Vanda Moreira Machado Lima Faculdade de Ciências e Tecnologia “Júlio de Mesquita Filho” –FCT/UNESP

Palavras-chave:

Formação de Professor, Curso de Pedagogia, Pedagogia Hospitalar, Classe hospitalar, Desafios da docência

Resumo

O professor é um elemento fundamental na busca de qualidade do ensino, mas um profissional com formação qualificada e que compreenda criticamente seu papel no contexto educacional brasileiro, essencialmente na Pedagogia Hospitalar. Este texto visa refletir sobre o papel e desafios do professor para desenvolver uma ação docente qualificada na pedagogia hospitalar, principalmente na educação formal em classes hospitalares. A pesquisa se insere na abordagem qualitativa, utilizando a pesquisa bibliográfica e pesquisa documental em sites do MEC e Secretaria de Educação do Estado de São Paulo. Verificamos que nas DCNs da Pedagogia (BRASIL, 2006) o curso formaria o pedagogo para atuação em espaços escolares e não escolares, entretanto prioriza a formação de professores para o espaço escolar, desconsiderando uma área da docência de extrema relevância que é a classe hospitalar. Constatamos alguns desafios da docência na Pedagogia hospitalar: direito negado, desvalorização da Pedagogia Hospitalar; relação com sofrimento e morte; relação pedagogo e família; ausência da estrutura física e de profissionais qualificados.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2015-06-25

Como Citar

PROFESSOR NA PEDAGOGIA HOSPITALAR: ATUAÇÃO E DESAFIOS. (2015). Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 12(2), 144-152. https://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/1226

Artigos Semelhantes

1-10 de 565

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.