O NÚMERO π E A QUADRATURA DO CÍRCULO

Autores

  • Juliano Ferreira de Lima
  • Amanda Santos Silva
  • Fernando Pereira de Souza

Palavras-chave:

Problema Grego, Número π, Números Transcendentes, Geometria Plana, Áreas.

Resumo

Há muito tempo, cerca de 4000 a.C, já existia o número π, porém, não como conhecemos hoje. Vale ressaltar que o primeiro matemático a utilizar o número “pi” como sendo a letra grega π foi o matemático francês Leonhard Euler (1707-1783). Tão antigo quanto o valor de π é o celebre problema grego da quadratura do círculo, ou seja, utilizando régua e compasso construir um quadrado de área igual à de um círculo dado. Para resolver essa questão, utilizaremos a ideia de números transcendentes e principalmente o fato de π ser um número transcendente ,ou seja, ele não pode ser raiz de uma equação algébrica com coeficientes inteiros, fato que foi provado por o matemático alemão Ferdinand von Lindemann em 1882, desta forma, mostraremos que é impossível resolver tal problema.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-03-29

Como Citar

Ferreira de Lima, J., Santos Silva, A., & Pereira de Souza, F. (2016). O NÚMERO π E A QUADRATURA DO CÍRCULO. Colloquium Exactarum. ISSN: 2178-8332, 7(4), 59–64. Recuperado de https://revistas.unoeste.br/index.php/ce/article/view/1465

Edição

Seção

Artigos Originais