QUALIDADE DE VIDA DO PACIENTE COM INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA SUBMETIDO À HEMODIÁLISE

Autores

  • Elaine Cristina Negri UNOESTE
  • Ana Caroline de Lima Sampaio
  • Ana Cláudia Pereira da Silva
  • Helora Martines Paulo
  • Leandro Borsari da Costa
  • Natalia Fernanda Higa de Souza

Palavras-chave:

dialise renal, qualidade de vida, nefropatias, insuficiência renal crônica, dor

Resumo

A doença renal crônica é uma afecção multicausal, com elevada taxa de morbidade e mortalidade, que tem a hemodiálise como opção de tratamento mais utilizado. A qualidade de vida é um conceito amplo que envolve um conjunto de bem estar físico, psíquico e social, a qual está associada à noção de felicidade, quando comparados com os aspectos externos. O objetivo da presente pesquisa foi avaliar a qualidade de vida dos pacientes com insuficiência renal crônica submetidos ao tratamento de hemodiálise. A pesquisa foi realizada com 63 pacientes, que responderam a dois questionários, sendo um de caracterização e o instrumento WHOQOL-bref composto por 26 questões. A análise dos dados mostrou que entre os domínios analisados o domínio físico obteve menor pontuação, podendo ser um dos principais fatores que influenciam na qualidade de vida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2017-01-13

Como Citar

Cristina Negri, E., Caroline de Lima Sampaio, A., Cláudia Pereira da Silva, A., Martines Paulo, H., Borsari da Costa, L., & Higa de Souza, N. F. (2017). QUALIDADE DE VIDA DO PACIENTE COM INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA SUBMETIDO À HEMODIÁLISE. Colloquium Vitae. ISSN: 1984-6436, 8(2), 32-36. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/cv/article/view/1666

Edição

Seção

Artigos Originais

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##