PROGRAMA DE REABILITAÇÃO EM GRUPO NA ESCOLIOSE IDIOPÁTICA: ESTUDO DE CASO

Autores

  • Thalysi Mayumi Hisamatsu
  • Raissa Puzzi Ladvig UNESP
  • Thiago Pereira Veronese
  • Dalva Minonroze Albuquerque Ferreira

Palavras-chave:

escoliose, atividade física, postura

Resumo

A escoliose é um desvio postural, caracterizado por uma deformidade tridimensional. O objetivo do estudo foi analisar a influência de um “Programa de reabilitação de desvios posturais” em pacientes com escoliose idiopática pelas medidas do ângulo de Cobb. Trata-se de estudo de casos (n=5), sendo a amostra feita por conveniência. O programa de reabilitação de desvios posturais é constituído de atividade física em grupo associando, alongamento, equilíbrio, fortalecimento e consciência corporal. Os pacientes realizaram, em média, 23 sessões de exercício em grupo e a medida do ângulo de Cobb foi realizada, pelo mesmo examinador, antes e depois do período de intervenção. Podemos concluir que houve redução do grau de escoliose em todos os casos, independente da idade, do gênero e do número de sessões realizadas, mas a assiduidade foi considerada um fator importante na reabilitação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2017-01-13

Como Citar

Mayumi Hisamatsu, T., Ladvig, R. P., Pereira Veronese, T., & Minonroze Albuquerque Ferreira, D. (2017). PROGRAMA DE REABILITAÇÃO EM GRUPO NA ESCOLIOSE IDIOPÁTICA: ESTUDO DE CASO. Colloquium Vitae. ISSN: 1984-6436, 8(2), 46-50. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/cv/article/view/1665

Edição

Seção

Relato de Caso

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##