ANÁLISE DO PROGRAMA ESCOLA DA FAMÍLIA NA CIDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE

  • Eduard A Bendrath UNESP
  • Alberto Albuquerque Gomes UNESP
Palavras-chave: Programa Escola da Família, UNESCO, Políticas Públicas.

Resumo

Esta pesquisa foi desenvolvida na Universidade Estadual Paulista, campus de Presidente Prudente, e contou com apoio financeiro da FAPESP. O objetivo geral deste estudo foi analisar como o público freqüentador concebe o programa em temas centrais como violência, melhoria da educação e aproximação escola e comunidade em relação à posição geográfica da escola dentro de uma escala de exclusão social. A metodologia usada foi baseada em um modelo quantitativo não-experimental, com análise de dados não-paramétricos usando o teste de Kruskal-Wallis. O lócus do estudo foi a cidade Presidente Prudente, São Paulo, Brasil, tendo como base quatro escolas estaduais posicionadas em regiões distintas da cidade. Verificou-se que as médias dos valores das respostas variam de acordo a posição geográfica, porém estatisticamente a diferença significativa entre as respostas e regiões só é confirmada na análise ao item sobre a presença de violência dentro e próximo das escolas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduard A Bendrath, UNESP
Mestre em Educação e Doutorando em Educação na área de Políticas Públicas. Bolsista de Doutorado Capes Universidade Estadual Paulista/ Faculdade de Ciências e Tecnologia
Alberto Albuquerque Gomes, UNESP
Graduado em Ciências Sociais, Mestre e Doutor em Educação. Universidade Estadual Paulista/ Faculdade de Ciências e Tecnologia
Publicado
2014-03-13
Como Citar
Bendrath, E., & Gomes, A. (2014). ANÁLISE DO PROGRAMA ESCOLA DA FAMÍLIA NA CIDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 10(1). Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/656