RESGATANDO A RELAÇÃO ENTRE O ENSINO DA LITERATURA E O DESENVOLVIMENTO HUMANO

  • Flaviana Bataliotti Gomes Unesp/Araraquara
  • Ricardo Eleutério dos Anjos Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE)/Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação e do curso de graduação em Psicologia
Palavras-chave: Literatura, Psicologia Histórico Cultural, Desenvolvimento Humano

Resumo

A hegemonia das teorias pedagógicas na educação tem-se vinculado à ideia de que o processo de desenvolvimento humano não está relacionado aos conteúdos escolares. Com isso, o artigo objetivou resgatar uma visão histórica do homem, entendendo-o como um ser social e em constante transformação de si mesmo e da sociedade e, dentro dessa perspectiva, a literatura como clássico torna-se memória da humanidade e, concomitantemente, reflete no desenvolvimento pessoal de cada indivíduo estabelecendo uma importante relação entre ambos dada pela catarse. Entender o fenômeno da catarse, bem como a arte e a literatura como instrumento do movimento dialético entre universal-singular-particular é enfatizar sua importância para a continuidade da vida de cada homem e da sociedade a qual pertence, em um constante processo de ser produto e produtor da sua história e sua História.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANJOS, R. E. O desenvolvimento psíquico na idade de transição e a formação
da individualidade para-si: aportes teóricos para a educação escolar de
adolescentes. 2013, 167 f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Ciências e
Letras, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Araraquara,
2013.

_________. O desenvolvimento da personalidade na adolescência e a educação escolar. 2017, 198 f. Dissertação (Doutorado) - Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Araraquara, 2017.

ANJOS, R. E; DUARTE, N. A Teoria da Individualidade Para Si Como Referência À Análise da Educação Escolar de Adolescentes. Nuances: Estudos Sobre Educação, Presidente Prudente-SP, v. 28, n. 3, p. 115-132, 2017.

CHAIKLIN, Seth. A zona de desenvolvimento próximo na análise de Vigotski sobre aprendizagem e ensino.Psicol. estud., Maringá , v. 16, n. 4, p. 659-675, Dec. 2011.

DUARTE, N. As pedagogias do "aprender a aprender" e algumas ilusões da assim chamada sociedade do conhecimento. Rev. Bras. Educ., Rio de Janeiro , n. 18, p. 35-40, Dec. 2001.

_________. Vigotski e o “Aprender a Aprender” Crítica às Apropriações Neoliberais e Pós-Modernas da Teoria Vigotskiana. 2ª ed. rev. e ampl. Campinas, SP: Autores Associados, 2001.

_________. Individualidade para si: contribuição a uma teoria histórico-social da formação do indivíduo. 3. ed. rev. Campinas, SP: Autores Associados, 2013.

___________. Os Conteúdos Escolares e a Ressuirreção Dos Mortos. Campinas, SP: Autores Associados, 2016.

_________. Relações entre conhecimento escolar e liberdade. Cadernos de Pesquisa. v. 46, n. 159, p. 78-102, mar. 2016.

DUARTE, N. ASSUMPÇÃO, M. C. A Arte e o Ensino de Literatura na Escola. Vitória, n. 27, 2015.


FERREIRA, N. B. P. A arte e a formação humana: implicações para o ensino da literatura. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2010. Available from SciELO Books

______________. A Catarse Estética e a Pedagogia Histórico-Crítica: Contribuições para o Ensino da Literatura. 2012, 172 f. Dissertação (Doutorado). Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Araraquara, 2012.

KAFKA, F. Metamorfose. Porto Alegre: L&PM, 2015.

LEONTIEV, A. O desenvolvimento do psiquismo. Pg 261-284. Lisboa: Horizonte, 1978.

________. Actividad, conciencia e personalidad. Havana: Editorial Pueblo y Educación, 1983

LUKÁCS, G. Estética: la Peculiaridad de lo Estético. Vol. 1: Questiones Preliminares y de Principio. Traduzido do original em alemão por Manuel Sacristán. Barcelona: Grijalbo, 1966.

_________. Estetica: la Peculiaridad de lo Estetico. Vol. 2: Problemas de La Mímesis. Traduzido do original em alemão por Manuel Sacristán. 2ª edição, Barcelona: Grijalbo, 1972.

_________.Estetica: la peculiaridad de lo estetico: problemas de la mímesis. Barcelona: Grijalbo, 1966.

_________. Para uma ontologia do ser social II. São Paulo: Boitempo, 2013.


LURIA, A. R. Curso de psicologia geral v. 1: introdução evolucionista à psicologia.
Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1979.

MARTINS, L. M. O desenvolvimento do psiquismo e a educação escolar:
contribuições à luz da psicologia histórico-cultural e da pedagogia histórico-crítica. Campinas, SP: Autores Associados, 2013.

_________. A internalização de signos como intermediação entre a psicologia histórico cultural e pedagogia histórico-crítica. Germinal: Marxismo e Educação em Debate, Salvador, v. 7, n.1, p. 44-57, jun. 2015.

MARTINS, L.M. ; DUARTE, N., orgs. Formação de professores: limites contemporâneos e
alternativas necessárias [online]. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica, 2010.

MARTINS, L. M.; RABATINI, V. G. A concepção de cultura em Vigotski: contribuições para a educação escolar. Rev. psicol. polít., São Paulo , v. 11, n. 22, p. 345-358, dez. 2011.

PASQUALINI, J. C.; MAZZEU, L. T. B. Em defesa da escola: uma análise histórico-crítica da educação escolar. Educação em revista, Marília, v. 9, n. 1, p. 77-92, 2008.

SAVIANI, D. Escola e Democracia: teorias da educação, curvatura da vara, onze
teses sobre a educação política. Campinas, SP: Autores Associados, 2006.

_________. Pedagogia Histórico-crítica na Educação do campo. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS SOBRE EDUCAÇÃO DO CAMPO, 2013, São Carlos, Anais… São Carlos, 16 out. 2013.

_________. Pedagogia Histórico – Crítica: primeiras aproximações. 11. ed. rev.
Campinas, SP: Autores Associados, 2011.

________. Psicologia Concreta do Homem (Manuscritos de 1929). Educação e Sociedade, n. 71, 1929.

Steimbach, A. A. O processo de ensino numa perspectiva histórico-crítica. 2008. Acesso em 04 de Maio de 2018. Disponível em: http://www.famper.com.br/download/allan.pdf

VIGOTSKI, L. S. Teoria e método em psicologia. São Paulo: Martins Fontes, 2004, p. 93- 101.

_________. Obras escogidas. Tomo III. Madrid, Visor. 1995.

_________. Psicologia Da Arte. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

__________. Aprendizagem e desenvolvimento intelectual na idade escolar. In: VIGOTSKII, L. S.; LURIA, A. R.; LEONTIEV, A. N. Linguagem, desenvolvimento e aprendizagem. 10. ed. São Paulo: Ícone, 2006. p. 103-117.

______. L. S. Linguagem, Desenvolvimento e Aprendizagem. 11ª ed. São Paulo:
Ícone, 2010.
Publicado
2019-07-04
Como Citar
Gomes, F. B., & Anjos, R. E. dos. (2019). RESGATANDO A RELAÇÃO ENTRE O ENSINO DA LITERATURA E O DESENVOLVIMENTO HUMANO. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 16(2), 108-118. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/3030
Seção
FUNDAMENTOS FILOSÓFICOS, DIDÁTICOS E PSICOLÓGICOS DA PEDAGOGIA HISTÓRICO-CRÍTICA