FORMAÇÃO DE PROFESSORES NA FRANÇA E NO BRASIL: COMPARATIVOS E POSSIBILIDADES DE ATUAÇÃO

  • Cláudio Roberto Brocanelli UNESP
  • Alonso Bezerra de Carvalho Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” - UNESP
  • Vandeí Pinto da Silva Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” - UNESP
Palavras-chave: Educação; Formação de Professores; Brasil e França

Resumo

Este artigo traz estudo referente à Formação de Professores. Traz reflexões resultantes da visita técnica realizada por professores da Unesp, dos Campi de Assis e Marília, na Universidade de Cergy-Pontoise e na École Superieure du Professorat et de l’Éducation (ÉSPÉ), na França, com o apoio financeiro da PROGRAD e PROPG/Unesp. Foi possível conhecer o processo formativo de professores da França com fins a pensar a formação dos nossos professores, com foco principal no momento em que realizam seus estágios. O desafio maior está na articulação teoria e prática, o que comumente causa espanto aos estagiários quando chegam ao ambiente da escola e necessitam criar uma reflexão para a atuação, ou seja, buscar olhar para o terreno da escola a partir dos conhecimentos acumulados nos anos de formação. Com um estudo comparativo, é possível pensar a Formação de Professores no Brasil e as possibilidades de envolvimento com o espaço da escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-05-13
Como Citar
Brocanelli, C., de Carvalho, A., & da Silva, V. (2019). FORMAÇÃO DE PROFESSORES NA FRANÇA E NO BRASIL: COMPARATIVOS E POSSIBILIDADES DE ATUAÇÃO. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 16(1), 123-133. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/2976