HOMOSSEXUALIDADES FEMININAS E EDUCAÇÃO: UMA REFLEXÃO SOBRE O “ARMÁRIO”

  • Andressa Costa dos Santos Universidade Federal do Amapá
  • Alexandre Adalberto Pereira Universidade Federal do Amapá
Palavras-chave: Educação, Gênero, Sexualidade, Homossexualidades femininas

Resumo

Este artigo de revisão propõe tecer uma discussão acerca dos estudos de gênero e do percurso histórico da sexualidade como construções sociais. Apontamos para compreensão da sexualidade, permeada de valores sociais contingentes. Indicamos o modo como a mulher foi colocada em uma posição de subalternidade a partir de discursos que legitimavam os corpos dos homens como sendo normais, plenos e saudáveis, em detrimento dos corpos das mulheres. Partimos da problemática que a sexualidade como construção histórica e social, pode ser apropriada pelos discursos da educação para a afirmação e/ou reconhecimento da mulher homossexual? E ao final propomos tecer diálogos sobre o dispositivo do “armário” e suas implicações na educação como forma de resistência contra a hegemonia centrada nos mecanismos de opressão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andressa Costa dos Santos, Universidade Federal do Amapá
Mestranda em Educação pelo Programa de Mestrado em Educação pela Universidade Federal do Amapá (PPGED/UNIFAP). Graduada em Licenciatura Plena em Pedagogia pela Universidade do Estado do Pará (UEPA).
Alexandre Adalberto Pereira, Universidade Federal do Amapá
Doutor em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Uberlândia (2013). Mestre em Cultura Visual pela Universidade Federal de Goiás (2008). Graduado em Licenciatura Plena em Artes Visuais pela Universidade Federal de Goiás (2003) . Professor do Curso de Licenciatura em Artes Visuais e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Amapá. Tem experiência na área de Arte com ênfase em arte educação em articulação com a diversidade sexual. Interesses de pesquisa: gênero e diversidade sexual na educação; decolonialidade; saberes e práticas docentes na perspectiva da diversidade e; arte educação em contextos de diversidade
Publicado
2018-12-20
Como Citar
Santos, A., & Pereira, A. (2018). HOMOSSEXUALIDADES FEMININAS E EDUCAÇÃO: UMA REFLEXÃO SOBRE O “ARMÁRIO”. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 15(4), 34-43. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/2467
Seção
DOSSIÊ: EDUCAÇÃO ESCOLAR, VIOLÊNCIA E DESIGUALDADE SOCIAL