O DESAFIO DO ENSINO DA LITERATURA: O PAPEL DA MÚSICA COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA

  • Marilani Soares Vanalli unoeste
  • André Luís de Oliveira Siribeli Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE
  • Elaine Cristina Paris Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE
  • Valéria Novaes Domingues Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE

Resumo

Esse artigo objetiva revelar a literatura como fonte de prazer ao leitor, e, que além da leitura e análise teórico/semântica dos textos de literatura, quando em união com a música, pode potencializar o ensino daquela, visando torná-lo mais significativo. Para tanto, é necessário contextualizar o ensino de literatura e discutir a importância da música no contexto escolar; apresentando propostas para este ensino dialogado e intertextual. Foram utilizados os textos poéticos “O velho do Restelo “ – Luís Vaz de Camões, “ Fala do Velho do Restelo ao astronauta” – José Saramago “ e “ Astronauta” – Gabriel Pensador. Realizou-se uma pesquisa de caráter qualitativo, com um apoio bibliográfico elaborado a partir de materiais já publicados. Os estilos literários e a canção popular tratam de composições diferentes, mas possuidores de uma relação íntima, quase complementar. A intertextualidade entre as poesias e a letra da música ficam confirmadas, numa condição paródica. Conclui-se que, pode ser muito fácil gostar de música e, dificilmente será encontrado alguém que não aprecie uma canção. Depois destes estudos mais verticalizados, pode-se afirmar que a literatura x música trazem um bem-estar inestimável, despertando a sensibilidade e criatividade dos alunos. Em sala de aula, esta aproximação pode ser muito benéfica e conduzir à aprendizagem de forma mais sensível, fluida e eficaz.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-12-19
Como Citar
Vanalli, M. S., Luís de Oliveira Siribeli, A., Cristina Paris, E., & Novaes Domingues, V. (2018). O DESAFIO DO ENSINO DA LITERATURA: O PAPEL DA MÚSICA COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 15(3), 171-185. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/2464