A UTILIZAÇÃO DE CENARIOS COMO DIFERENCIAL NA ORGANIZAÇÃO: UMA PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

Autores

  • Álvaro Costa Jardim Neto
  • Ivan Marcio Gitahy Junior
  • Jean Carlos Silva Santos Universidade do Oeste Paulista –UNOESTE

Palavras-chave:

Administração. Cenários. Prospecção. Estratégia. Métodos

Resumo

O futuro incerto e o estudo para conseguir vantagens competitivas frente as outras organizações vem fazendo com que as empresas tomem medidas cada vez mais drásticas, necessitando apresentar respostas rápidas para afrontar os desafios que são propostos e utilizar as oportunidades que o mercado oferece. Entretanto percebe-se que estas incertezas têm prejudicado a decisão de qual estratégia seguir diante do imprevisível. Posto isto, surge a teoria dos cenários apoiando cada decisão a ser tomada pelo administrador. Este trabalho propõe apresentar os principais métodos e o histórico de cenários no contexto geral. Desta forma, utilizando uma metodologia bibliográfica de pesquisa e com aspecto exploratório, buscou-se conhecer métodos de produção de cenários, o histórico e sua importância nas tomadas de decisões organizacionais. Sendo assim, conclui-se que a construção de cenários pode ser utilizada como diferencial competitivo e auxiliador no momento de definir as estratégias para a empresa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2016-05-23

Como Citar

Costa Jardim Neto, Álvaro, Marcio Gitahy Junior, I., & Carlos Silva Santos, J. (2016). A UTILIZAÇÃO DE CENARIOS COMO DIFERENCIAL NA ORGANIZAÇÃO: UMA PESQUISA BIBLIOGRÁFICA. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 13(1), 94-101. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/1494