O LOGBOOK COMO ESTRATÉGIA DE ENSINAGEM: RELEVÂNCIA ACADÊMICA E SOCIAL

Autores

  • Ana Teresa S. Maia de Araújo
  • Raimunda Abou Gebran UNOESTE

Palavras-chave:

Logbook, Estratégias de Ensinagem, Processo de Ensino e de Aprendizagem, Ensino Médico Reflexivo.

Resumo

A reflexão docente sobre a dificuldade que muitos médicos recém-formados apresentam para transformar os seus conhecimentos técnicos em uma expertise prática que lhes facilite o ingresso na profissão médica, abriu a porta para um novo arquétipo para o ensino desenvolvido num estágio do Curso de Medicina em uma Universidade privada do interior paulista, que em essência centrou-se no uso do logbook como ferramenta metodológica. A riqueza das impressões primeiras sobre a experiência motivou a presente pesquisa qualitativa de cunho fenomenológico do tipo pesquisa-ação para caracterizar os princípios constitutivos do logbook, desvelar as suas potencialidades para o processo de ensino e de aprendizagem e verificar as dificuldades enfrentadas na sua implantação/execução. Os resultados da investigação consubstanciam a sua significação como uma estratégia de ensinagem dotada de relevância acadêmica (processo de ensino e de aprendizagem mais dialogado e contextualizado) e também social (discentes com vivência real do mundo do trabalho em saúde).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2016-05-09

Como Citar

Teresa S. Maia de Araújo, A., & Gebran, R. A. (2016). O LOGBOOK COMO ESTRATÉGIA DE ENSINAGEM: RELEVÂNCIA ACADÊMICA E SOCIAL. Colloquium Humanarum. ISSN: 1809-8207, 13(1), 70-84. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ch/article/view/1491

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

1 2 > >>