DESEMPENHO PRODUTIVO DE MARACUJAZEIRO AMARELO EM ÁREA COM Fusarium solani

Autores

  • José Carlos Cavichioli APTA
  • FERNANDO DANTAS MATA Syngenta Proteção de Cultivos Ltda
  • Jeancesar de Souza Ronda
  • Ana Favarini Hernandes
  • Thiago Emílio Leite
  • Rodrigo Aparecido Vitorino APTA
  • Leandro Aparecido Fogagnoli Contiero

Palavras-chave:

enxertia; maracujá; morte prematura de plantas; patógenos de solo

Resumo

O uso da enxertia em porta-enxertos tolerantes tem apresentado bons resultados no controle da murcha de Fusarium no maracujazeiro-amarelo, considerado um dos principais problemas na cultura, que afeta o sistema radicular da planta e não tem controle químico. O presente trabalho teve por objetivo avaliar a sobrevivência, o desempenho agronômico de plantas e as características físicas de frutos de maracujazeiro-amarelo (Passiflora edulis Sims) enxertadas em três porta-enxertos em área com histórico de murcha de Fusarium. O experimento foi conduzido no Sítio Bela Vista, localizado no município de Pracinha, SP, no período de agosto de 2014 a maio de 2015, e adotou-se o delineamento estatístico em blocos ao acaso, com cinco tratamentos e cinco repetições. Os tratamentos utilizados foram os porta-enxertos: Passiflora alata Dryand, Passiflora gibertii N.E. Brown, Passiflora caerulea Linnaeus, enxertia dupla P.gibertii x P.edulis e plantas sem enxerto. Avaliou-se o diâmetro do caule do porta-enxerto e do enxerto, o comprimento de ramos secundários, o número de ramos terciários, o número de plantas sobreviventes, os diâmetros longitudinal e transversal dos frutos, o número e a massa de frutos e a produtividade. As maiores sobrevivências foram observadas em P. alata com 90% e P. gibertii com 100% de sobrevivência. O maior número de frutos por planta e produtividade ocorreram em plantas enxertadas sobre P. gibertii. A adoção da enxertia dupla utilizando-se P. gibertii x P. edulis e a enxertia simples com P. caerulea não se mostraram eficientes no controle desta doença. O P. alata mostrou-se o material mais vigoroso como porta-enxerto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CAVICHIOLI, J.C.; CORRÊA, L. de S.; BOLIANI, A.C.; SANTOS, P.C. Desenvolvimento e produtividade de maracujazeiro-amarelo enxertado em três porta-enxertos. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v.33, n.2, p.558-566, 2011a. https://doi.org/10.1590/S0100-29452011005000056
CAVICHIOLI, J.C.; CORRÊA, L. de S.; BOLIANI, A.C.; GARCIA, M.J.M.; FISCHER, I.H. Desenvolvimento, produtividade e sobrevivência de maracujazeiro-amarelo enxertado e cultivado em área com histórico de morte prematura de plantas. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v.33, n.2, p.567-574, 2011b. https://doi.org/10.1590/S0100-29452011005000075
IBGE – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Produção Agrícola Municipal, 2019. Disponível em:. https://sidra.ibge.gov.br/tabela/1613 Acesso em 9 de março de 2020.
FISCHER, I.H.; ALMEIDA, A.M.; FILETI, M.S.; BERTANI, R.M.A.; ARRUDA, M.C.; BUENO, C.J. Avaliação de passifloráceas, fungicidas e Trichoderma para o manejo da podridão-do-colo do maracujazeiro, causada por Nectria haematococca. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v.32, n.3, p.709-717, 2010. https://doi.org/10.1590/S0100-29452010005000090
FISCHER, I.H.; RESENDE, J.A.M. Diseases of Passion Flower (Passiflora spp.). Pest Technology, Kagawa, v.2, n.1, p.1-19, 2008.
HURTADO-SALAZAR, A.; SILVA, D. F. P. da; SEDIYAMA, C. S.; BRUCKNER, C. H. Caracterização física e química de frutos de maracujazeiro-amarelo enxertado em espécies silvestres do gênero passiflora cultivado em ambiente protegido. Revista Brasileira de Fruticultura, v.37, n.3, p.635-643. 2015. https://doi.org/10.1590/0100-2945-101/14
MALDONADO, J.F.M. Utilização de porta-enxertos do gênero Passiflora para maracujazeiro-Amarelo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg.). Revista Brasileira de Fruticultura, Cruz das Almas, v.13, n.2. p.51-54, 1991.
MORGADO, M.A.D.; BRUCKNER, C.H.; ROSADO, L.D.S.; SANTOS, C.E.M. Desenvolvimento de mudas de maracujazeiro-azedo enxertadas em espécies silvestres de Passiflora. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v.37, n.2, p.471-479, 2015. https://doi.org/10.1590/0100-2945-099/14
NARITA, N.; RÓS, A.B.; CAVICHIOLI, J.C.; SUGUINO, E.; LUCAS, C. dos S.; HIRATA, A.C.S. Crescimento inicial de plantas de maracujazeiro-azedo com raiz dupla em função da espécie enxertada lateralmente. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE FRUTICULTURA, 22, 2012, Bento Gonçalves-RS. Anais...Bento Gonçalves: SBF. 2012. P.5340-5343.
NOGUEIRA FILHO, G. C.; RONCATTO, G.; Carlos RUGGIERO, C.; OLIVEIRA, J.C. de; MALHEIROS, E.B. Desenvolvimento e produção das plantas de maracujazeiro-amarelo produzidas por enxertia hipocotiledonar sobre seis porta-enxertos. Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v.32, n.2, p. 535-543, 2010. https://doi.org/10.1590/S0100-29452010005000071
SILVA, R.M.; AMBRÓSIO, M.M.Q.; AGUIAR, A.V.M.; FALEIRO, F.G.; CARDOSO, A.M.S.; MENDONÇA, V. Reação de cultivares de maracujazeiro em áreas com fusariose. Summa Phytopathologica, Botucatu, v.43, n.2, p. 98-102, 2017. https://doi.org/10.1590/0100-5405/2217
SILVA, F.A.S.; AZEVEDO, C.A.V. The Assistat Software Version 7.7 and its use in the analysis of experimental data. African Journal Agricultural Research, v.11, n.39, p.3733-3740, 2016. https://doi.org/10.5897/AJAR2016.11522

Publicado

2020-10-08

Como Citar

Cavichioli, J. C., MATA, F. D. ., Ronda, J. de S. ., Hernandes, A. F. ., Leite, T. E. ., Vitorino, R. A. ., & Contiero, L. A. F. . (2020). DESEMPENHO PRODUTIVO DE MARACUJAZEIRO AMARELO EM ÁREA COM Fusarium solani. Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215, 16(5), 96-102. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ca/article/view/3556

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##