ÉPOCAS, FORMAS DE APLICAÇÃO E DOSES DE NITROGÊNIO NA CULTURA DO MILHO EM CONDIÇÕES DE CERRADO

Autores

  • Maurílio de Sousa Netto Instituto Federal Goiano IFG, Urutaí, Goiás, Brasil
  • Fernando Castro de Oliveira Instituto Federal Goiano IFG, Urutaí, Goiás, Brasil.
  • Lucas da Silva Araújo Instituto Federal Goiano
  • Pedro Marques da Silveira Embrapa Arroz e Feijão, Santo Antônio de Goiás, Goiás, Brasil.
  • Paulo César Ribeiro da Cunha Instituto Federal Goiano IFG, Urutaí, GO

Palavras-chave:

adubação nitrogenada, ureia, Zea mays L.

Resumo

Objetivou-se avaliar diferentes épocas, formas de aplicação e doses de nitrogênio nas características agronômicas, componentes de produção, produtividade de grãos, bem como a eficiência de utilização do nutriente na cultura do milho. O delineamento experimental de blocos casualizados, em esquema fatorial (2 x 2 x 4) e quatro repetições, foi utilizado para o experimento. Os tratamentos foram duas épocas de aplicação, na semeadura do milho e em cobertura no estádio V7; duas formas de aplicação, superficial e incorporada ao solo a 8 cm de profundidade; e quatro doses de nitrogênio, 0, 60, 120, 180 kg ha-1. As características agronômicas do milho, altura da planta, altura da inserção da espiga, diâmetro do colmo e nitrogênio foliar não diferenciaram em função das épocas ou formas de aplicação, apenas das doses de nitrogênio. Os componentes da produção, comprimento e número de fileiras por espiga, número de grãos por fileira, massa de 100 grãos e produtividade de grãos apresentaram melhores resultados com aplicação do nitrogênio incorporado ao solo e doses de 120 a 180 kg ha-1 de nitrogênio. A prática de incorporação e a dose de 60 kg ha-1 propiciaram maior eficiência agronômica no uso do nitrogênio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVARES, C. A.; STAPE, J. L.; SENTELHAS, P. C.; DE MORAES GONÇALVES, J. L.; SPAROVEK, G. Köppen’s climate classification map for Brazil. Meteorologische Zeitschrift, v.22, n.6, p.711-728, 2014. http://dx.doi.org/10.1127/0941-2948/2013/0507
ANDRADE, F. R.; PETTER, F. A.; NÓBREGA, J. C. A.; PACHECO, L. P.; ZUFFO, A. M. Desempenho agronômico do milho a doses e épocas de aplicação de nitrogênio no Cerrado piauiense. Amazonian Journal of Agricultural and Environmental Sciences, v.57, n.4, p.358-366, 2014. http://dx.doi.org/10.4322/rca.1295BOUWMEESTER, R. J. B.; VLEK, P. L. G.; STUMPE, J. M. Effect of environmental factors on ammonia volatilization from a urea-fertilizer soil. Soil Science Society of America Journal, v.49, n.2, p.376-381, 1985. http://dx.doi.org/10.2136/sssaj1985.03615995004900020021x
CANTARELLA, H. Nitrogênio. In: NOVAIS, R. F.; VENEGAS, V. H. A.; BARROS, N. F.; FONTES, R. L. F.; CANTARUTTI, R. B.; NEVES, J. C. L. Fertilidade do solo. Viçosa, Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2007. p.375-470.
CASAGRANDE, J. R. R.; FILHO, D. F. Adubação nitrogenada na cultura do milho safrinha. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.37, n.1, p.33-40, 2002. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2002000100005
CIVARDI, E. A.; NETO, A. N. S.; RAGAGNIN, V. A.; GODOY, E. R.; BROD, E. Ureia de liberação lenta aplicada superficialmente e ureia comum incorporada ao solo no rendimento do milho. Pesquisa Agropecuária Tropical, v.41, n.1, p.52-59, 2011. http://dx.doi.org/10.5216/pat.v41i1.8146
MARTINEZ, H. E. P.; CARVALHO, J. G.; SOUZA, R. B. Diagnose foliar. In: RIBEIRO, A. C.; GUIMARÃES, P. T. G.; ALVAREZ, V. H. Recomendações para o uso de corretivos e fertilizantes em Minas Gerais: 5ª aproximação. Viçosa, Comissão de Fertilidade do Solo do Estado de Minas Gerais, 1999. p.143-168.
CONAB. Companhia Nacional de Abastecimento. Série histórica das safras. 2018. Disponível em: http://www.conab.gov.br/conteudos.php?a=1252&t=. Acesso em 28 abr. 2018.
COSTA, N. R.; ANDREOTTI; M.; GAMEIRO, R. A.; PARIZ; C. M.; BUZETTI, S.; LOPES, K. S. M. Adubação nitrogenada no consórcio de milho com duas espécies de braquiária em sistema plantio direto. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.47, n.8, p.1038-1047, 2012. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2012000800003
DUETE, R. R. C.; MURAOKA, T.; SILVA, E. C.; TRIVELIN, P. C. O.; AMBROSANO, E. J. Manejo da adubação nitrogenada e utilização do nitrogênio (15N) pelo milho em Latossolo Vermelho. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v.32, n.1, p.161-171, 2008. http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v31i1.6646
FRAZÃO, J. J.; SILVA; Á. R.; SILVA, V. L.; OLIVEIRA, V. A.; CORRÊA, R. S. Fertilizantes nitrogenados de eficiência aumentada e ureia na cultura do milho. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v.18, n.12, p.1262-1267, 2014. http://dx.doi.org/10.1590/1807-1929/agriambi.v18n12p1262-1267
HIREL, B.: TÉTU, T.; LEA, P. J.; DUBOIS, F. Improving Nitrogen Use Efficiency in Crops for Sustainable Agriculture. Sustainability, v.3, n.9, p.1452-1485, 2011. http://dx.doi.org/10.3390/su3091452
LARA CABEZAS, W. A. R.; KORNDORFER, G. H.; MOTTA, S. A. Volatilização de N-NH3 na cultura de milho: II. Avaliação de fontes sólidas e fluidas em sistema de plantio direto e convencional. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 21, n.3, p.489-496, 1997. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06831997000300019
MALAVOLTA, E. Manual de nutrição mineral de plantas. Piracicaba: Editora Ceres, 2006.
MALAVOLTA, E.; VITTI, G. C.; OLIVEIRA, S. A. Avaliação do estado nutricional das plantas. 2ª ed. Piracicaba, Associação Brasileira para Pesquisa da Potassa e do Fosfato, 1997.
MAR, G. D.; MARCHETTI; M. E.; SOUZA, L. C. F.; GONÇALVES; M. C.; NOVELINO, J. O. Produção do milho safrinha em função de doses e épocas de aplicação de nitrogênio. Bragantia, v.62, n.2, p.267-274, 2003. http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87052003000200012
MEIRA, F. A.; BUZETTI; S.; ANDREOTTI, M.; ARF, O.; SÁ, M. E.; ANDRADE, J. A. C. Fontes e épocas de aplicação do nitrogênio na cultura do milho irrigado. Semina: Ciências Agrárias, v.30, n.2, p.275-284, 2009. http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2009v30n2p275
MELLO, T. F. BUZETTI, S.; FILHO, M. C. M. T.; GALINDO, F. S.; NOGUEIRA, L. M. Residual effects of nitrogen fertilizer with polymer-coated urea in a corn crop. Revista Caatinga, v. 30, n.3, p.586-594, 2017. http://dx.doi.org/10.1590/1983-21252017v30n306rc
MELO, F. B. CORÁ; J. E.; CARDOSO M. J. Fertilização nitrogenada, densidade de plantas e rendimento de milho cultivado no sistema plantio direto. Revista Ciência Agronômica, v.42, n.1, p.27-31, 2011. http://dx.doi.org/10.1590/S1806-66902011000100004
OLIVEIRA, F. C.; NETTO, M. S.; ARAÚJO, L. S.; ALMEIDA, A. C. S.; SILVEIRA, P. M.; CUNHA, P. C. R. Corn development and production in function of sources of nitrogen fertilizers and doses. Revista Caatinga, v.29, n.4, p.812-821, 2016. http://dx.doi.org/10.1590/1983-21252016v29n405rc
OLIVEIRA, J. M. S.; CAIRES, E. F. Adubação nitrogenada em cobertura para o milho cultivado após aveia preta no sistema plantio direto. Acta Scientiarum Agronomy, v.25, n.2, p.351-357, 2003. http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v25i2.1926
R DEVELOPMENT CORE TEAM. R: A language and environment for statistical computing. 2017. Disponível em: http://www.R-project.org/.. Acesso em: 21 mar. 2018.
SANGOI, L.; ERNANI, P. R.; LECH, V. A.; RAMPAZZO, C. Volatilização de N-NH3 em decorrência da forma de aplicação de ureia, manejo de resíduos e tipo de solo, em laboratório. Ciência Rural, v.33, n.4, p.687-692, 2003. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782003000400016
SANTOS, M. M.; GALVÃO, J. C. C.; MELO, A. V.; ADRIANO, R. C.; FIDELIS, R. R.; CORRÊA, M. L. P. Efeito da fonte de nitrogênio e da época de aplicação na cultura do milho, em plantio direto, com espaçamento reduzido. Revista Brasileira de Milho e Sorgo, v.10, n.1, p.29-37, 2011. http://dx.doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v10n1p29-37
SILVA, E. C.; BUZETTI, S.; GUIMARÃES, G. L.; LAZARINI, E.; SÁ, M. E. Doses e épocas de aplicação de nitrogênio na cultura do milho em plantio direto sobre latossolo vermelho. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v.29, n.3 , p.353-362, 2005a. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832005000300005
SILVA, E. C.; FERREIRA, S. M.; SILVA, G. P.; ASSIS, R. L. & GUIMARÃES, G. L. Épocas e formas de aplicação de nitrogênio no milho sob plantio direto em solo de cerrado. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v.29, n.5, p.725-733, 2005b. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832005000500008
SORATTO, R. P.; PEREIRA, M.; COSTA, T. A. M.; LAMPERT, V. N. Fontes Alternativas e doses de nitrogênio no milho safrinha em sucessão à soja. Revista Ciência Agronômica, v.41, n.4, p.511-518, 2010. http://dx.doi.org/10.1590/S1806-66902010000400002
VALDERRAMA, M.; BUZETTI, S.; BENETT, C. G. S.; ANDREOTTI, M.; FILHO, M. C. M. T. Fontes e doses de NPK em milho irrigado sob plantio direto. Pesquisa Agropecuária Tropical, v.41, n.2, p.254-263, 2011. http://dx.doi.org/10.5216/pat.v41i2.8390
ZUCARELI, C.; ALVES, G. B.; OLIVEIRA, M. A.; MACHADO, M. H. Desempenho agronômico do milho safrinha em resposta às épocas de aplicações e fontes de nitrogênio. Científica, v.42, n.1, p.60-67, 2014. http://dx.doi.org/10.15361/1984-5529.2014v42n1p60-67

Downloads

Publicado

2021-01-13

Como Citar

Sousa Netto, M. de, Oliveira , F. C. de, Araújo, L. da S., Silveira , P. M. da, & Cunha, P. C. R. da. (2021). ÉPOCAS, FORMAS DE APLICAÇÃO E DOSES DE NITROGÊNIO NA CULTURA DO MILHO EM CONDIÇÕES DE CERRADO. Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215, 16(6), 56–66. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ca/article/view/3381