TERMINAÇÃO DE BOVINOS BRANGUS INTEIROS E CASTRADOS COM CANA-DE-AÇÚCAR (SACCHARUM OFFICINARUM) OU SILAGEM DE CAPIM MOMBAÇA (PANICUM MAXIMUM CV MOMBAÇA)

  • Marcelo Diniz dos Santos UNIC
  • Fabiola Cristine de Almeida Rego UNOPAR
  • Marcos Vinicius de Lima Rodrigues UNIC
  • Deiler Sampaio Costa Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia – UFMS
  • Caue Natam de Souza UNIC
  • Luiz Fernando Coelho cunha Filho UNOPAR
  • Laís Belan UNOPAR
  • MARILICE ZUNDT UNOESTE
  • Jorge Luiz Santana
Palavras-chave: bovinos de corte, confinamento, ganho de peso, conversão alimentar, viabilidade econômica

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar o consumo, o ganho de peso, a conversão alimentar e a viabilidade econômica da utilização de cana de açúcar in natura e da silagem de capim mombaça na terminação de novilhos Brangus inteiros e castrados.Utilizaram-se 140 bovinos Brangus, com média de 21 meses e 355 kg de peso vivo, identificados e distribuídos aleatoriamente nos tratamentos: T1, 37 animais inteiros e T2, 37 animais castrados, ambos recebendo cana-de-açúcar (Saccharum officinarum) triturada in natura; T3, 33 animais inteiros e T4, 33 animais castrados, ambos recebendo silagem de capim mombaça (Panicum maximum cv mombaça).Para avaliação econômica, levantaram-se os custos completos para a produção dos volumosos oriundos da própria fazenda, foram consideradas também despesas com alimentos concentrados, diesel, mão-de-obra, manutenção de equipamentos e controle de parasitas. O peso final dos animais inteiros foi maior (P<0,05) que dos animais castrados, e a conversão alimentar foi maior nos animais castrados, o que indica que os animais inteiros foram mais eficientes na transformação do alimento em ganho de peso. A maior receita líquida observada nos animais inteiros (mombaça) se justifica pelo maior ganho de peso e menor custo das dietas. Os animais da dieta contendo silagem de capim mombaça apresentaram maior viabilidade econômica do que os submetidos a dieta com cana-de-açúcar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo Diniz dos Santos, UNIC
Dr, Coordenador do programa de Mestrado em Biociência Animal – UNIC, Faculdade de Medicina Veterinária – UNIC, Cuiabá-MT
Fabiola Cristine de Almeida Rego, UNOPAR
Dra, Docente do Programa de Mestrado em Saúde e Produção de Ruminantes, e do curso de Medicina Veterinaria da UNopar
Marcos Vinicius de Lima Rodrigues, UNIC
Mestrando do programa de Mestrado em Biociência Animal
Deiler Sampaio Costa, Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia – UFMS
Prof. Dr Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia – UFMS
Caue Natam de Souza, UNIC
Aluno do Curso de Medicina Veterinária - UNIC, Cuiabá-MT
Luiz Fernando Coelho cunha Filho, UNOPAR
Profs. Drs. Programa de Mestrado em Saúde e Produção de Ruminantes –UNOPAR, Arapongas, PR.
Laís Belan, UNOPAR
Mestranda do Programa de Mestrado em Saúde e Produção de Ruminantes –UNOPAR, Arapongas, PR.
MARILICE ZUNDT, UNOESTE
Prof. Dra. Universidade do Oeste Paulista – UNOESTE – Presidente Prudente –SP,
Jorge Luiz Santana
Medico Veterinário, Fazenda GAP Sereno, Jaciara-MT.
Publicado
2014-12-17
Como Citar
Santos, M. D. dos, Rego, F. C. de A., Rodrigues, M. V. de L., Costa, D. S., Souza, C. N. de, cunha Filho, L. F. C., Belan, L., ZUNDT, M., & Santana, J. L. (2014). TERMINAÇÃO DE BOVINOS BRANGUS INTEIROS E CASTRADOS COM CANA-DE-AÇÚCAR (SACCHARUM OFFICINARUM) OU SILAGEM DE CAPIM MOMBAÇA (PANICUM MAXIMUM CV MOMBAÇA). Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215, 10(1), 45-54. Recuperado de http://revistas.unoeste.br/index.php/ca/article/view/1021

Outros artigos do(s) mesmo(s) autor(es)